Viagem

Cerro San Cristóbal em Santiago

em

No domingo, último dia que eu iria ficar em Santiago, fui pedalar dentro da cidade em um lugar que eu não poderia deixar de ir. O Cerro San Cristóbal é uma montanha pequena dentro da cidade de Santiago no Chile.

Neste dia amanheceu chovendo e eu decidi que iria na chuva mesmo. Tomei café da manhã e comecei a me preparar para o pedal. Eu estava torcendo para a chuva parar, mas não era o que parecia. Quando eu terminava de me alongar percebi que a chuva tinha parado. Que legal! Bem no hora que eu estava saindo. Com certeza uma ajuda divina. Talvez voltaria a chover logo. Pelo menos parte do pedal eu não me molharia. Nem levei minha máquina DSRL, somente a Gopro e o celular para fazer as fotos.

É muito simples chegar nesse morro. Ele fica próximo ao centro da cidade. Saindo do hotel que eu estava, era só seguir em linha reta, atravessar duas avenidas, uma praça e um bairro que eu chegava no começo da subida. E lá fui eu sem tomar chuva fazer o pedal. A subida é curta, são somente 05 quilômetros para se chegar ao topo. Esse morro é um atrativo turístico da cidade. Além de você ter uma visão de todos os lados de Santiago, você pode subi-lo através do funicular, um pequeno veiculo sobre trilhos; conhecer o zoológico que fica no meio do caminho, visitar a igreja e a grande imagem do santo que fica no ponto mais alto.

No dia que eu subi com minha família, estava tendo algum evento de bikes. Havia uma tenda lá no alto, junto ao estacionamento, e muita gente de bike. Uma pena eu não ter ficado sabendo disso antes e ter ido pedalar nesse dia. A bicicleta em Santiago é bem forte. Aliais eu vi algumas coisas que não tenho certeza se existe no Brasil. Existe um shopping na avenida Las Condes, Mall Sport, que é somente com lojas de esporte. E não é esportes de quadra. Só tem lojas de bike, ski, surf, skate, corrida e escalada. O lugar é muito legal. Eu vi lojas de bike que são de uma mesma marca. Por exemplo: eu vi uma loja só da Trek, uma só da Scott, uma da Santa Cruz, outras só da Garmim, da Thulle, entre outras. O shopping tem uma parede de escalada enorme dentro dele, piscina com onda e pista de skate. No estacionamento no subsolo tem as oficinas dessas lojas todas. Eu fiquei realmente impressionado!!!

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

Em frente ao hotel.

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

Voltando ao meu pedal, no inicio da subida encontrei dois chilenos pedalando pra subir também. Puxei conversa com eles num portunhol bem fajuto e pedalamos alguns metros juntos. Logo eu parei pra fazer algumas fotos e eles continuaram a pedalada. Nesse trecho eu já tinha visão de uma parte da cidade que eu não tinha visitado. É uma grande área residencial e mais simples do que a área do outro lado. Continuei subindo e mais a frente avistei uma outra área da cidade, essa, pelo que eu vi no mapa, é uma área empresarial, com diversos prédios, inclusive o mais alto da cidade chamado Costanera Center. O edifício possuí 300 metros de altura, tem 70 andares com apertamentos, escritórios, cinemas, supermercados, praça de alimentação, lojas e estacionamento para 4500 veículos. É um monstro de prédio!

Chegando ao topo da montanha, parei um pouco e fiquei apreciando toda a vista que ela te proporciona. Olhei bastante para a cordilheira, tentando identificar onde eu tinha subido no pedal de alguns dias atras, descrito aqui no blog. Foi lá em cima que eu tive a real noção do tamanho da cidade de Santiago. Também fiquei pensando em como foi legal fazer esses passeios de bicicleta na cidade e todo o tempo que eu vinha planejando e sonhando com isso. Pensei em quando eu voltaria pra tentar ir mais longe na cordilheira e me aventurar em outros lugares que eu não tinha ido dessa vez. Passei pelo menos trinta minutos lá em cima, tirando algumas fotos e pensando sobre tudo isso. Chamei um dos chilenos que eu tinha encontrado no inicio da subida pedalando e pedi pra ele tirar uma foto minha. Aproveitei e conversei um pouco com ele e até fizemos uma selfie. Resolvi descer. Na metade do caminho de descida a gente entra em outra rua e deixa de descer pelo mesmo caminho que subiu. Depois que a descida terminou eu tive que contornar parte da montanha pra chegar no mesmo local que eu tinha iniciado o pedal. Depois disso entrei em algumas ruas do bairro que fica encostado ao cerro, passei por algumas praças e retornei ao hotel.

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

Ao fundo o prédio mais alto da América. O Costanera Center.

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

Eu só tenho a agradecer a receptividade dos chilenos. Os brasileiros são muito queridos em Santiago e nos tratam muito bem. A cidade te oferece muitos passeios e eu precisaria de pelo menos mais uns 05 dias pra aproveitar tudo que eu queria. Vale muito a pena visitar essa cidade e eu já não vejo a hora de voltar para novas aventuras. Opa, ia esquecendo de falar uma coisa. Voltou a chover, sim. Voltou a chover justamente na hora que eu cheguei no hotel. Talvez uma ajuda divina.

Abraços e boas pedalas!!!

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

Chileno que eu conheci no pedal.

mauricio gouveia, blog andando de bike, andando de bike, pedal no chile, pedal em santiago, bicicleta em santiago, mall sport, cerro san cistobal, morro são cristovão, pedalando no chile, pedalando em santiago, passeio de bicicleta fora do país

Pedalando no bairro próximo ao cerro San Cistóbal.

Sobre andandodebike

Olá, meu nome é Mauricio Gouveia, sou ciclista e fotógrafo e nesse Blog vou contar um pouco pra vocês sobre os lugares que eu pedalo e, dessa forma, quem quiser pedalar nesses lugares terá um pouco de informação de como chegar, por onde começar, distancias, dificuldades e outros detalhes. Ajudem a compartilhar e divulgar esse Blog pra que mais pessoas aproveitem as dicas e peguem suas bikes pra fazer essas pedaladas que são muito bacanas e faz muito bem pra vida. Espero que gostem e por favor comentem e deixem recados pra me ajudarem a construir um lugar interessante de informações pra quem quer se divertir de bicicleta. Abraços. Mauricio Gouveia

Recommended for you

2 Comments

  1. MATEUS

    17 de novembro de 2015 at 16:06

    onde posso alugar a bike???????

    • andandodebike

      2 de dezembro de 2015 at 17:34

      Cara, eu não encontrei um lugar especifico para alugar mountain bike para fazer pedal longo, porém dentro da cidade tem bikes para alugar e você andar por lá mesmo. Elas são conhecidas como Bike Verde.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *