Viagem

Cumuruxatiba

em

Se você quiser pedalar em uma praia linda e ainda poder descansar um pouco, Cumuruxatiba no sul da Bahia é o lugar ideal. A vila de Cumuruxatiba é distrito da cidade de Prado que é ponto de partida para conhecer a costa do descobrimento, onde muitos ciclista estão fazendo de bicicleta. Eu não fiz a costa completa, mas pude conhecer esse trecho que sem dúvida é um dos mais lindos que eu já fui.

Pra você chegar em Cumuruxatiba vindo do sul do país, é preciso pegar a BR – 101 e na cidade de Teixeira de Freitas você entra a direita em BA – 290. Chegando em Alcobaça você entra a esquerda para Prado na BA – 001. Pra quem vem descendo do norte do país, também pela BR – 101, é possível pegar a esquerda em Itamaraju na BA – 489 e sair direto em Prado. Depois que você chegou em Prado é só seguir as placas para Cumuruxatiba que fica fácil, apesar que são 32 km de estradas de terras com muita costeleta que chegou uma hora que eu achei que meu carro iria desmontar. Pra vocês terem uma ideia de como a estrada está com bastante costeleta, o suporte da buzina do meu carro quebrou e ela ficou pendurada pelo fio; o break light também caiu e ficou pendurado. A trepidação foi realmente muito intensa nesse trecho.

Muitos ciclista tem se aventurado na Rota do Descobrimento, que tem início na cidade de Prado com sentido à Cumuruxatiba, passando pela Ponta do Corumbau, Caraíva, Trancoso, Arraial d’Ajuda e finalizando em Porto Seguro. Fazer esse trajeto leva de quatro a cinco dias com mais ou menos 100 km de distância. Além de você poder conhecer lugares maravilhosos, com praias de Falésias e pequenas comunidades indígenas, você tem que atravessar dois rios em barcos de pescadores.

Eu passei um semana no vilarejo e pude fazer três passeios muito bacanas. O primeiro eu fui até a Barra do Cahí, saindo do camping e pegando a estrada de terra até a praia. Outro pedal que eu fiz foi para a Praia da Japara, uma praia linda e com um rio que corta ela. Nesse pedal eu fui pela estrada de terra e voltei pedalando pela praia. O outro pedal que eu fiz foi também para a Barra do Cahí, porém esse eu entrei pela praia do Moreira, subi uma trilha para a travesar a falésia e desci na praia da Barra do Cahí, um trajeto maravilhoso com paisagens encantadoras (trajeto da foto mapeada abaixo).

A minha intenção é planejar um viagem em que eu possa fazer a Rota do Descobrimento inteira. Desta vez eu fui com minha mulher e minha filha em férias, então optei por passar os dias com elas e fazer somente esses passeios. É uma opção muito bacana pra quem não tem interesse em viajar de bike e somente quer fazer pequenos passeios. O lugar é super seguro. Minha bicicleta ficou amarrada em uma árvore no camping enquanto eu não estava usando ela!

Espero em breve poder contar pra você como é fazer a Rota do Descobrimento inteira. Quem sabe logo mais!!!

Abraços e boas pedaladas.

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip, camping, aldeia da lua

 

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

DCIM100GOPRO

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Mauricio Gouveia, Cumuruxatiba, bahia, rota do descobrimento, costa do descobrimento, viagem de bicicleta, praia da Japara, barra do Cahi, ponta do Corumbau, falésias, rota do descobrimento de bicicleta, mtb trip

Sobre andandodebike

Olá, meu nome é Mauricio Gouveia, sou ciclista e fotógrafo e nesse Blog vou contar um pouco pra vocês sobre os lugares que eu pedalo e, dessa forma, quem quiser pedalar nesses lugares terá um pouco de informação de como chegar, por onde começar, distancias, dificuldades e outros detalhes. Ajudem a compartilhar e divulgar esse Blog pra que mais pessoas aproveitem as dicas e peguem suas bikes pra fazer essas pedaladas que são muito bacanas e faz muito bem pra vida. Espero que gostem e por favor comentem e deixem recados pra me ajudarem a construir um lugar interessante de informações pra quem quer se divertir de bicicleta. Abraços. Mauricio Gouveia

Recommended for you

2 Comments

  1. Leonardo Fonseca

    30 de janeiro de 2017 at 18:45

    Boa tarde Maurício. Conheço bem Cumuru. Já fui muito lá. Estou começando a me aventurar um pouco mais nas trilhas da bike. Trocava justamente hj uma ideia com dona de uma pousada sobre como seria o caminho pela estrada de terra de Cumuru a Ponta do Corumbau. Tem ideia? Nivel de dificuldade? Bem plano?
    Obrigado
    Leonardo- Belo Horizonte

    • andandodebike

      28 de maio de 2017 at 17:45

      Olá, Leonardo! Não passei por esse trecho. Fui até a Ponta de barco.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *